GSPORT PRESENTE NO DESERTO DE TITAN

Titan Desert 2022

O Titan Desert é uma prova de BTT por etapas no deserto marroquino caracterizada pelas altas temperaturas, dunas, pedras e areia avermelhada. Estes fatores, somados ao esforço físico e aos quilómetros percorridos, fazem desta prova uma dura aventura para todos os participantes.

O colosso desértico em que o Titan Desert se tornou agora, iniciou a sua jornada em 2006 e já conta com mais de 15 edições. Conhecido como “O Paris-Dakar do ciclismo”, conseguiu posicionar-se como um dos grandes eventos de BTT, adequado apenas para os mais corajosos. Em toda a história da prova, dois nomes se destacam: Roberto Heras e Josep Betalú. Que conseguiu vencer o Titã até quatro vezes. Betalú conseguiu isso consecutivamente de 2016 a 2019.

Esta edição de 2022 foi realizada de 8 a 13 de maio , com um percurso total de 598 quilômetros divididos em 6 etapas e acumulando +6.999 metros de ganho de elevação.

Um dos destaques da corrida é a navegação , que consiste em orientar-se com o GPS e escolher o melhor caminho para chegar à linha de chegada, sem ter pista ou marcações ao longo do percurso. A etapa de navegação nesta edição é a quarta, nas restantes etapas os participantes deverão passar pelo CP (Check Point) seguindo o percurso e o trilho, embora possam sair dele, desde que não saltem o CP.

Nesta edição, a Gsport foi representada por Sergio Mantecon e Miquel Faus, de Scott Cala Bandida; Pau Salvá com seu projeto solidário Factor8 Cycling Project (para arrecadar fundos e ajudar a Associação de Hemofilia de Marrocos); e por Manolo Beltrán também conhecido como “el Triki” da MMR-Bujarkay-Gsport.

4 corredores que viveram a sua experiência no Deserto de Titã com objetivos diferentes. Contando sempre com o apoio da #Gsportcustom para o conseguir.

  • Pau Salvà terminou várias vezes entre os 10 primeiros, terminando a prova na décima posição geral.
  • Sergio Mantecón conseguiu a vitória da quinta etapa, sabendo aproveitar a navegação e liderando o grupo da frente por 1'27”. Finalmente consegui o 17º lugar geral.
  • Miquel Faus , o mais jovem dos nossos corredores, juntou-se à equipa Scott Cala Bandida para a prova e na sua estreia no deserto conquistou o 2º lugar na quinta etapa.
  • Manolo Beltrán venceu a categoria master 50 e terminou entre os 20 primeiros da geral.

Uma grande experiência onde, acima de tudo, desfrutaram de momentos inesquecíveis.

Mais histórias de interesse:

É ASSIM QUE VIVEMOS BADLANDS 2021


Deixe um comentário

Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos

Este site está protegido pela Política de privacidade da reCAPTCHA e da Google e aplicam-se os Termos de serviço das mesmas.